Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando agora: Carregando...

Pedro Mellado ok
No comando: O Melhor do flash Back

Das 00:00 as 23:59

Explosão Sertaneja
No comando: Explosão Sertaneja

Das 08:00 as 09:59

BANNER EXP. DEUS - SEGUNDA Á SÁBADO - GRANDE
No comando: Experiência de Deus com Padre Reginaldo Manzotti

Das 10:00 as 11:00

Explosão Sertaneja
No comando: Explosão Sertaneja

Das 15:00 as 18:00

hora da misericordia
No comando: Pe Reginaldo Manzotti

Das 18:00 as 18:30

Sul-Brasileiro
No comando: Sul Brasileiro

Das 18:30 as 20:30

noite sertaneja
No comando: Noite Sertaneja

Das 20:31 as 21:30

No comando: O Melhor do Flash Back

Das 21:30 as 06:00

“Eu prefiro ficar sozinha do que ser subordinada”, diz Anitta

Compartilhe:
anitta2

Estaria Anitta vivendo a melhor fase da carreira dela? Depois de arrasar ao lado de Andrea Bocelli e fazer uma apresentação inesquecível no Prêmio Multishow, a cantora continua surpreendendo positivamente.

Desta vez, durante o Maratona da Alegria Villa Mix Festival, evento de música que aconteceu neste domingo, 13, no Rio, a artista, além de cantar, resolveu mandar um recadinho emocionado para quem não reconhece o funk como música.

“Às vezes, quando as pessoas tentam sacanear a gente é aí que a gente cria mais força. Um dia, gente, eu prometo para vocês, eu vou fazer o funk carioca ser respeitado no nosso país. Porque o nosso funk nasceu aqui [no Rio] e ele merece ser respeitado, sim”, disse ela.

A estrela também contou sobre um episódio nada legal quando um cara disse para ela parar de rebolar. A resposta? “Eu prefiro ficar sozinha do que ser subordinada. E para esses caras que acham, não só caras, para as pessoas que acham que só por que a gente faz funk, a gente é menor, eu tenho uma coisa para falar: ‘vocês pensaram mesmo que eu não ia rebolar minha bunda hoje, né?’”, mandou Anitta.

Leia o discurso na íntegra:

“Tem gente que acha que sacaneando a gente, a gente vai desistir. Só que essas pessoas esquecem que nem todo mundo é pobre de espírito feito eles. Às vezes, quando as pessoas tentam sacanear a gente, é aí que a gente cria mais força. Um dia, gente, eu prometo para vocês, eu vou fazer o funk carioca ser respeitado no nosso país. Porque o nosso funk nasceu aqui e ele merece ser respeitado, sim. Uma vez eu peguei um cara que falou assim para mim ‘se tu fosse minha mulher, a primeira coisa que eu ia mudar era esse seu rebolar na frente dos outros. Ia acabar’. E eu falei ‘ah, entendi! Para me pegar é legal, para ser sua mulher não dá’. Hipocrisia que não dá, sabe por quê?  Eu prefiro ficar sozinha do que ser subordinada. E para esses caras que acham, não só caras, para as pessoas que acham que só por que a gente faz funk, a gente é menor, eu tenho uma coisa para falar: ‘vocês pensaram mesmo que eu não ia rebolar minha bunda hoje, né?’” 

Deixe seu comentário:

https://www.facebook.com/HoostCom

#01: Benjamim Neto
Musica: Sob o Céu de Paris
#02:
Musica:
#03:
Musica:
#04:
Musica:
#05:
Musica:
#06:
Musica:
#07:
Musica:
#08:
Musica:
#09:
Musica:
#10:
Musica:

Curta no Facebook

Tags